Campo Novo News

Ana Hickmann acusa marido por sumiço de R$ 25 milhões das empresas do casal

Ana Hickmann acusa marido por sumiço de R$ 25 milhões das empresas do casal

Ana Hickmann acusa marido por sumiço de R$ 25 milhões das empresas do casal

O empresário Alexandre Correa nega as acusações e pede o encerramento da investigação.

A polícia civil de São Paulo investiga, por meio de inquérito policial, um possível desvio de R$ 25 milhões das empresas de Ana Hickmann. A apresentadora acusa o marido, Alexandre Correa pelo desaparecimento do montante.

Neste domingo (10), a defesa do empresário solicitou o encerramento da investigação, iniciada em 29 de novembro. Os advogados alegam que o cliente não cometeu nenhum crime e argumentam que o Código Penal isenta de pena autores de crime em prejuízo ao cônjuge.

Este termo da lei existe para evitar desarmonia no ambiente familiar. O processo de separação do casal ainda não foi concluído.

Ao denunciar o marido, Ana Hickmann informou que os crimes estariam acontecendo desde 2018. Segundo ela, Alexandre estaria celebrando contratos e realizando operações bancárias sem seu conhecimento.

Segundo a denúncia feita à polícia, o empresário teria falsificado a assinatura da esposa para tais transações, o que teria gerado uma série de ações judiciais contra a ex-modelo, incluindo processos sobre dívidas e despejo.

Ana Hickmann suspeita que o endividamento resultante das ações do marido seja de R$ 34 milhões.

A defesa da apresentadora argumenta que essa denúncia está relacionada ao episódio de agressão anteriormente comunicado às autoridades e que as brigas do casal aconteciam na tentativa de intimidá-la a não denunciar as suspeitas de crime contra o patrimônio da família.

“As agressões sofridas pela noticiante foram praticadas com o nítido propósito de intimidá-la e dissuadi-la de tornar públicas as inúmeras irregularidades que vinha constatando”, dizem os advogados.

Relembre o caso de Ana Hickmann

A apresentadora registrou um B.O. por agressão contra o marido, Alexandre Correa, na casa da família em Itu, no interior de São Paulo, no dia 12 de novembro. Ela disse à polícia que estava conversando com o filho, de 10 anos, na cozinha de casa quando Correa ouviu e não gostou do assunto. Por isso, ele iniciou uma discussão. A criança, assustada, teria saído correndo do ambiente, segundo Hickmann.

Mais tarde, a ex-modelo afirmou que a discussão era sobre a situação financeira do casal.

Correa teria empurrado a esposa contra a parede e ameaçado dar cabeçadas nela, de acordo com informações que constam no boletim de ocorrência.

Durante a discussão, Correa teria fechado a porta da cozinha, atingindo Hickmann, segundo consta no boletim. Ela usou a situação para trancar o marido fora do cômodo e chamar a Polícia Militar, mas, Correa não estava mais no local quando os agentes chegaram.

Fonte: cnnbrasil.com.br

Viu essas notícias?